“O coração ainda é primitivo. E é bom que as universidades ainda não tenham encontrado um jeito de ensinar ao coração e torná-lo civilizado. Essa é a única esperança que a humanidade tem de sobreviver. Não condene a sensualidade. Ela tem sido condenada pelo mundo inteiro, e, por causa disso, a energia que poderia florescer em sensualidade se transforma em perversões, ciúme, raiva, ódio — um tipo de vida ressequido, sem nenhuma seiva. A sensualidade é uma das maiores bênçãos que a humanidade recebeu. E a sua sensibilidade, a sua consciência. E a sua consciência filtrando através do corpo. A mente não está separada do corpo — ela é a parte interna do corpo. Você está separado tanto do corpo quanto da mente, de ambos. Você é uma entidade transcendental. E uma testemunha da mente e do corpo, dos dois. Mas a mente e o corpo são a mesma energia. O corpo é a mente visível e a mente é o corpo invisível. O corpo é a mente exterior e a mente é o corpo interior. O sexo é um desejo natural e é bom quando está em seu devido lugar. Mas a pessoa não deve parar por aí: o sexo é só um começo, vislumbre — um vislumbre do além. No orgasmo profundo, você fica consciente, pela primeira vez, de algo que não é do ego, de algo quenão é da mente, de algo que não é do tempo. No orgasmo profundo, mente, tempo, tudo desaparece. O mundo todo pára por um instante. Por um momento, você deixa de fazer parte do mundo material. Você é só puro espaço. Mas isso é apenas um vislumbre — siga adiante. Procure e encontre meios e maneiras de fazer com que esse vislumbre passe a sero próprio estado em que você vive. Isso é o que eu chamo de realização, iluminação. A pessoa iluminada vive em um estado de prazer orgásmico 24 horas por dia. O orgasmo é a indicação natural de que você contém dentro de si uma quantidade imensa de bem-aventurança. Ele simplesmente dá a você o gostinho dela — daí você pode sair em busca. O sexo gera ciúme, mas isso é algo secundário. Portanto, não é uma questão de como deixar de ter ciúme — você não pode deixar deter ciúme porque não pode deixar de ter sexo. A questão é como transformar o sexo em amor. Só assim o ciúme deixa de existir. Se você ama uma pessoa, o próprio amor é garantia suficiente. O próprio amor traz segurança suficiente. Se você ama uma pessoa, sabe que ela não pode ir embora com ninguém mais. E se ela for, tudo bem. Não há nada a fazer. O que você pode fazer? Pode matá-la, mas uma pessoa morta não será de muita utilidade. Quando você ama uma pessoa, confia que ela não irá embora com mais ninguém. Se ela for, é porque não existe amor e nada pode ser feito a respeito. O amor propicia esse entendimento. Não existe ciúme. Então, se existe ciúme, esteja certo de que não existe amor. Você está fazendo um jogo, está escondendo o sexo por trás do amor. Nesse caso, o amor é meramente uma palavra vã, e a realidade é o sexo. O ciúme é uma das áreas predominantes da ignorância psicológica — sobre si mesmo, sobre os outros e, principalmente,sobre os relacionamentos. As pessoas acham que sabem o que é o amor — elas não sabem. E essa incompreensão sobre o amor cria ociúme. As pessoas acham que amor é uma espécie de monopólio, depossessividade — sem entender um fato simples da vida: no momento em que você possui um ser vivo, você o mata. A vida não pode ser possuída. Você não pode segurá-la nas mãos. Se quiser tê-la, você terá que deixar as mãos abertas. O que faz você ter ciúme? O ciúme em si não é a raiz. Você ama uma mulher, você ama um homem. Você quer possuir essa pessoa só porque tem medo de que, amanhã, ela talvez possa ir embora com outra pessoa. O medo do amanhã destrói seu dia de hoje,e esse é um círculo vicioso. Se cada dia que passa é destruído por causa do medo do amanhã, mais cedo ou mais tarde o homem vai começar a buscar outra mulher, a mulher vai começar a buscar outro homem, porque você é, simplesmente, um chato de galocha. E quando ele começa a buscar outra mulher ou ela começa a sair com outro homem, você acha que tinha razão em ter ciúme. Na verdade, foi o seu ciúme que provocou isso tudo. Ciúme é comparação. E fomos ensinados a comparar,condicionados a comparar, a sempre comparar. Alguém tem uma casa melhor, um corpo mais bonito, mais dinheiro, uma personalidade mais carismática. Compare, continue se comparando com todo mundo que cruza seu caminho e isso resultará em um grande ciúme. O ciúme é a conseqüência do condicionamento para se comparar. Se, pelo contrário, você parar de se comparar, o ciúme desaparece. Você passa simplesmente a saber que você é você e ninguém mais, e nada mais é necessário. Não se incomode com o amanhã: o hoje é suficiente. Alguém ama você… Deixe que este seja um dia de alegria, um dia de celebração. Deixe-se ficar hoje tão totalmente no amor que sua totalidade e seu amor serão suficientes para que a outra pessoa não se afaste de você. Seu ciúme a afastará de você. Só o amor pode fazer com que ela fique ao seu lado. Seu ciúme a afastará. Seu amor pode mantê-la com você. Não pense no amanhã. No momento em que você pensa no amanhã, sua vida de hoje fica meio desanimada. Contente-se em viver o hoje e deixe que o amanhã se resolva por si mesmo — ele tomará seu próprio curso. E lembre-se de uma coisa: se o seu dia de hoje for uma bela experiência, uma bênção, desse hoje brotará o amanhã. Então, para que se preocupar?”

— OSHO

The Pretty Reckless - Absolution (Preview)

momsen-news:

Absolution (Preview) - The Pretty Reckless

The Pretty Reckless - Sweet Things (Preview)

momsen-news:

Sweet Things (Preview) - The Pretty Reckless

cade todo mundo???????????????????????

a dura rotina de Amanda, fazendo 5 horas de zangyo, gambateando sábados, domingos e obon yasumi reduzido a 4 dias.

a dura rotina de Amanda, fazendo 5 horas de zangyo, gambateando sábados, domingos e obon yasumi reduzido a 4 dias.

Great Spirit, Nahko Bear (Medicine for the People) (by wyndat1103)

O Planeta Terra é Você (El Planeta Tierra Eres Tu) | Legendado em português (by canalfabiochaves)

dream!!! Moby - A Case For Shame (with Cold Specks) - Official video (by Moby)

Tenho observado ultimamente que todos nós, de uma forma ou de outra, afastados ou ausentes temos sentido uma tremenda falta daqueles momentos só nossos, despretenciosos, jogando conversa fora, trocando informação, fazendo fofoca, dando risada, reclamando da vida.

Acredito que podemos estar mais presentes nas vidas um do outro. Uma hora por semana, atravez do hangout do G+ . Sem compromisso, sem cobranças, apenas muita saudade pra matar.

Todo domingo, 10am - BRASIL /  10pm - JAPÃO

Google+ e LINE simultaneamente.  PARTICIPEM!!